quarta-feira, 4 de março de 2015

Pastor é investigado por arrastar cão até a morte no MA

Pastor é investigado por arrastar cão até a morte no MA

O delegado afirma que depois da repercussão do caso, o homem foi afastado do seu cargo na igreja

Pastor é investigado por arrastar cão até a morte no MA  
Pastor é investigado por arrastar cão até a morte no MA
Moradores da cidade de São Mateus do Maranhão (MA) divulgaram um vídeo onde um cachorro é arrastado por uma motocicleta pilotada por um suposto pastor.
O animal foi arrastado por uma corda amarrada na moto e acabou morrendo. As cenas revoltaram os defensores dos animais e todos os internautas que assistiram ao vídeo e ouviram os gritos desesperados do animal.
O piloto da moto se apresentou como pastor da Assembleia de Deus da cidade cujo primeiro nome é Petrúcio. O segundo homem que estava na moto é o filho dele, um jovem de 18 anos.
Ao serem identificados e levados para a delegacia, os acusados explicaram que mataram o cachorro porque o animal estava doente. “Eles já foram ouvidos e disseram que o cachorro estaria agonizando, com raiva e poderia morder as pessoas”, disse o delegado do caso, Marcos Amorim.
As investigações apontam que o cachorro foi arrastado por cerca de 300 metros até a BR-135 onde foi deixado sem vida. “A ideia era tirar de perto da casa dele. Só que, se ele quisesse fazer isso, teria de usar outros meios, não aquele”, completou o delegado.
Apesar de estarrecedor, o crime não gera inquérito e assim que foram ouvidos pela polícia os dois homens foram liberados. “Esse crime está previsto como de menor potencial ofensivo, não há inquérito. É feito esse TCO, que é remetido à Justiça. Os responsáveis foram liberados e assinaram um termo garantindo que vão comparecer aos atos processuais.”
A lei 9.605/98 prevê, no artigo 32, que quem “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais” pode ser condenado de três meses a um ano de prisão, pena que pode ser aumentada em até um terço caso a violência resulte em morte, como aconteceu nesse caso.
O delegado teve informações de que o pastor foi afastado da igreja e que está sofrendo a consequência de seus atos. Já os vizinhos dão testemunho contra o religioso, dizendo que ele e o filho são conhecidos como pessoas violentas e que até ameaçaram quem divulgou o vídeo na internet. Com informações UOL
Leia mais...

Polícia prende líder de seita americano acusado de abusos sexuais

O homem de 53 anos foi condenado nos Estados Unidos em 2014 e fugiu para o Brasil

Polícia prende líder de seita americano acusado de abusos sexuais 
  Líder de seita é preso acusado de abusos sexuais
O americano Victor Arden Barnard, 53 anos, foi preso na última sexta-feira (27) no litoral Sul do Rio Grande do Norte. Líder de uma seita, ele foi condenado por abusar sexualmente de 59 crianças e adolescentes, crimes ocorridos entre os anos de 2000 e 2012.
Foi em 2012 que Barnard se mudou para o Brasil e só se tornou um procurado pela Interpol em 2014, quando foi condenado, chegando a ter seu nome registrado na lista dos 15 mais procurados pela agência U.S. Marshal.
A polícia do Rio Grande do Norte conseguiu encontrar Barnard em uma casa dentro de um condomínio na praia da Pipa. Os policiais também apreenderam escrituras, documentos, agendas, computadores, pendrives, aparelhos e chips celulares.
A seita liderada pelo americano se chama ‘River Road Felowship’, uma dissidente da igreja dita cristã ‘The Way International’. Os ensinamentos feitos por Victor Barnard eram controversos, ele dizia que era “Jesus na carne” e que convencia suas seguidoras a manterem relações sexuais com ele dizendo que “Cristo tinha tido relações com Maria Madalena e outras mulheres que o seguiam, assim como o rei Salomão havia dormido com muitas concubinas”.
As investigações começaram em Minessota quando duas adolescentes resolveram denunciá-lo pelo crime de abuso sexual. Uma delas afirmou que os abusos começaram quando ela tinha 12 anos, uma segunda testemunha começou a ser abusada aos 13 anos, assim que sua família se juntou à seita.
Após a prisão, o americano será extraditado, decisão já assinada pelo Supremo Tribunal Federal. Com informações G1
Leia mais...

Nova presidente da Deus é Amor promete manter doutrina

Nova presidente da Deus é Amor promete manter doutrina

Irmã Ereni assumiu a presidência da denominação após a morte de seu esposo, o missionário David Miranda

Nova presidente da Deus é Amor promete manter doutrina 
  Nova presidente da Deus é Amor promete manter doutrina
A irmã Ereni Miranda participou do programa de rádio da Igreja Pentecostal Deus é Amor (IPDA) na semana passada assegurando aos milhares de fiéis da igreja que a doutrina não será mudada.
Com a morte do missionário David Mirando, que faleceu no dia 25 de fevereiro vítima de um infarto, muitos fiéis temeram que a doutrina da igreja viesse a mudar. Conhecida por suas regras em relação a usos e costumes, a IPDA é uma das igrejas evangélicas mais rígidas e ao mesmo tempo uma das maiores, estando em 9º em número de fiéis (cerca de 800 mil).
Ereni tranquilizou os ouvintes dizendo que a obra da IPDA vai continuar. “O mesmo Deus do missionário é o nosso Deus”, disse a irmã que ficou ao lado do líder religioso por mais de 50 anos.
“O que ele mais queria era continuar ganhando almas”, relembrou a viúva. “Nós temos que continuar essa obra e dividir essa carga tão pesada que estava nos ombros dele. Eu sozinha não vou conseguir levar, vou dividir com a diretoria, com os obreiros, obreiras e os membros em geral”.
A nova presidente da IPDA também falou sobre a doutrina da igreja: “Eu quero garantir para vocês irmãos, não se preocupem, a doutrina que ele [David Miranda] ensinou, que ele pregou, que ele tanto zelou vai continuar, não vai mudar a doutrina da nossa igreja, vai ser a mesma”.
Ereni Miranda prometeu ainda mais rigidez em relação a doutrina. “Eu peço a cada membro que agora se conscientize que você precisa dar um bom testemunho, fazer o que o missionário queria que você fizesse que é dar um bom testemunho. Manter a doutrina bíblica que era a paixão do missionário, então a doutrina não vai mudar, não vai ser diferente, vai ser até mais rígida porque assim o Senhor quer”.
Leia mais...

Homens se castram para chegarem “mais perto de Deus”

Dissidente de seita denunciou caso bizarro e diz que muitas vítimas se calam por vergonha

Homens se castram para chegarem “mais perto de Deus” 
  Homens se castram para chegarem "mais perto de Deus"
Qual é o limite para tentar se aproximar de Deus? Um líder espiritual indiano conseguiu convencer cerca de 400 homens a arrancarem seus testículos para se tornarem pessoas próximas de Deus.
Gurmeet Ram Rahim Singh é líder da organização Dera Sacha Sauda, reconhecido como um popstar da TV indiana, e só foi denunciado agora sete anos depois por um dissidente.
Hans Raj Chauhan, 35 anos, resolveu quebrar o silêncio e falar a respeito de um assunto tão polêmico como a castração. Segundo seu advogado, Navkiran Singh, o religioso convenceu os seguidores a arrancaram seus testículos dizendo que “somente aqueles que se castrassem seriam capazes de encontrar a Deus”.
Os membros da organização aceitaram o desafio e passaram pelo procedimento realizado por um hospital dirigido pela própria Dera Sacha Sauda.
Chaudan entrou com um processo contra o religioso em 2012 e aguarda o julgamento. Singh já foi à imprensa negar tais acusações e dizer que irá processar o ex-fiel pelas alegações.
O líder religioso tem uma fortuna que passa US$ 50 milhões, lança filmes e sua seita possui, além do hospital, fábricas, mercados, fazendas, restaurantes, hotéis, escolas e orfanatos. Com informações O Globo
Leia mais...

Líderes de igrejas pentecostais se reúnem para discutir liberdade religiosa e casamento gay

Líderes de igrejas pentecostais se reúnem para discutir liberdade religiosa e casamento gay Igrejas pentecostais de todo o mundo estão se organizando para discutir temas da sociedade que poderão influenciar a maneira como os cristãos vivem, pregam e se reúnem.
Uma primeira reunião com líderes de igrejas que representam mais de 90 milhões de membros aconteceu em Los Angeles, nos Estados Unidos. No encontro, que durou três dias, a discussão girou em torno de temas como o terrorismo, casamento gay, liberdade religiosa e harmonia racial – este último item, uma peculiaridade das igrejas norte-americanas.
Dentre os presentes haviam representantes de igrejas pentecostais bastante conhecidas, como a Quadrangular, representada por Glenn Burris; e a Assembleia de Deus, na figura de seu superintendente geral, George Wood, segundo informações do Charisma News.
O representante Quadrangular, George Wood, ressaltou a importância do encontro e da vontade de juntar forças: “Esta foi uma reunião histórica. Nós somos todos netos e netas do avivamento da Rua Azusa, e nestes dias, o Espírito Santo está nos atraindo a este testemunho comum, cumprindo a oração de Jesus: que o mundo nos conheça pelo nosso amor de uns pelos outros”, disse.
Para o assembleiano Burris, “há um forte sentimento de que as conversas entre nós pareceu muito com a igreja primitiva, que experimentou um acordo ‘dinâmico’. Um provérbio africano diz: ‘Se você quiser ir rápido, vá sozinho. Se você quer ir longe, vá junto’”, resumiu, ressaltando a importância de enfrentar os desafios que as mudanças sociais representarão para as igrejas.
Nos Estados Unidos há uma forte sensação de que em breve, muitas igrejas passarão a aceitar o casamento gay entre seus membros, e inclusive, há pastores que apoiam essa ideia publicamente, como no caso de Rob Bell. Igrejas tradicionais, como a Presbiteriana, estão a poucos passos de regulamentarem a união entre pessoas do mesmo sexo.
No entanto, essa ideia também é rebatida e considerada o princípio da queda da Igreja como corpo de Cristo: “Para mim, as denominações que fazem isso estão dando um passo para a queda da igreja nos Estados Unidos”, disse o pastor Woody Butler.
Leia mais...

“Igreja do Poderoso”: Pânico zomba de evangélicos com diabo em “culto” e “obreiras” seminuas

“Igreja do Poderoso”: Pânico zomba de evangélicos com diabo em “culto” e “obreiras” seminuas

“Igreja do Poderoso”: Pânico zomba de evangélicos com diabo em “culto” e “obreiras” seminuas O programa Pânico na Band exibiu o quadro “Igreja do Poderoso” no último domingo, dia 01 de março. Protagonizado pelo humorista Eduardo Sterblitch, o “poderoso” conduzia o “culto” a si próprio com palavrões, assistentes seminuas e um bate-papo com o satanás.
O humor escrachado do grupo se valeu ainda de um “grupo de louvor” e um anão de patins, que repetidas vezes caía no palco e levava os espectadores às gargalhadas.
“Quem aí já traiu, levanta a mão!”, disse o “poderoso” ao público que compareceu à gravação do quadro no Teatro Municipal de Paulínia, no interior de São Paulo. “Vamos assumir [as traições], porque eu estou vendo! Deus castiga, mas eu castigo mais rápido”, zombou o humorista.
Aproveitando os embates travados entre pastores e ativistas gays, o “culto” trouxe ainda o depoimento de um homossexual não-assumido, que tentava esconder a sua orientação sexual através de repetidas afirmações sobre “gostar de mulher”. Ao final, o falso hétero termina dançando funk com as “obreiras”.
As piadas se estenderam ainda sobre erros e acertos dos humoristas em suas carreiras, como no caso do responsável pelo personagem Mendigo, que havia deixado o Pânico na Band para trabalhar na TV Record, empresa do bispo Edir Macedo, da Igreja Universal do Reino de Deus.
“Quando lá cheguei, todo mundo gostou. Desde a faxineira ao bispo e o pastor. Me prometeram tudo e o trouxa acreditou. Mas eu já estou bem isso não me revolta, porque eu estou feliz no Pânico, o filho à casa torna”, cantarolou o personagem.
O quadro se estendeu por aproximadamente 20 minutos, sem intervalos comerciais, e ainda zombou dos exorcismos exibidos pelas igrejas neopentecostais em seus programas de TV, e outras peculiaridades das denominações evangélicas.
O vídeo, com cenas que podem ser consideradas inadequadas, está neste link.
Leia mais...

segunda-feira, 2 de março de 2015

Homossexuais ensinam técnicas para transmitir HIV

Homossexuais ensinam técnicas para transmitir HIV

O "clube do carinho" instrui como infectar o máximo de pessoas.



Homossexuais ensinam técnicas para transmitir HIV 
  Homossexuais ensinam técnicas para transmitir HIV
Na internet sites e blogs destinados ao público de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros (LGBT) homens soropositivos de diversas partes do Brasil têm ensinado táticas para infectar pessoas nas quais se relacionam sexualmente. Nas saunas e casas de sexo adeptos da modalidade bareback, na qual gays faz sexo sem camisinha, utilizam-se de técnicas para transmitir o HIV.
Considerada crime, a prática tem preocupado as autoridades, inclusive o deputado federal Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) que já foi acusado de homofobia por se posicionar contra a prática homossexual. O deputado acredita que é preciso tomar providências para evitar que o caso se agrave.
“Essa notícia narra fatos extremamente graves, pois, se provado o dolo, ou seja, a intenção de contaminar outros, deve ser tratado como tentativa de homicídio”, comentou o parlamentar.
Segundo o jornalista Edgar Maciel, do jornal O Estado de São Paulo, os barebackers formam o “clube do carinho” e instruem diferentes técnicas para fazer sexo sem proteção ou furar a camisinha para transmissão do vírus.
“Não é de hoje que sei que os homossexuais cometem tais crimes. Em 1997, conversei com um ex-homossexual, convertido ao Evangelho de Jesus Cristo, que me disse que quando era homossexual aidético ele não tinha receio de infectar os outros”, disse o ativista cristão Júlio Severo.
Julio Severo é autor do livro O Movimento Homossexual, publicado originalmente pela Editora Betânia, que denuncia as práticas homossexuais e o plano dos ativistas do Movimento LGBT para conseguir privilégios diante da sociedade.
Os relatos das ações dos grupos na internet são chocantes. Um dos responsáveis pela prática incentiva o ato dizendo que provavelmente já fizeram com o infectado. “Não fez ainda? Faça! Pois é bem provável que já tenham feito com você”, diz o blog.
O pastor Marco Feliciano incentivou a investigação e responsabilização dos integrantes do grupo, além de reconhecer as dificuldades para se chegar aos autores dos sites na internet, mas pediu que as autoridades façam campanhas de conscientização.
“Peço que as autoridades sanitárias preparem ampla campanha educativa aproveitando para alertar os jovens de que correm risco de contágio proposital, para que evitem todas as formas a promiscuidade. Finalizo pedindo a Deus que olhe por nossos jovens derramando sobre eles as mais especiais bênçãos celestiais”, concluiu o pastor.
Leia mais...

Esposa de David Miranda assume a presidência da Deus é Amor

Esposa de David Miranda assume a presidência da Deus é Amor

 O fundador da denominação faleceu no último sábado (21) após sofrer um infarto





A Igreja Pentecostal Deus é Amor (IPDA) divulgou uma pequena nota em sua página no Facebook informando que a irmã Ereni Oliveira de Miranda, viúva do missionário David Miranda, assume a presidência da denominação.
Fundada em 1962, a IPDA sempre foi presidida por seu fundador que trabalhava ativamente nas decisões referentes a igreja, além de pregar e apresentar programas na rádio.
David Miranda faleceu no último sábado (21) após sofrer um infarto. O culto fúnebre aconteceu durante o domingo, segunda e a manhã da terça-feira quando o corpo saiu do Templo da Glória de Deus, sede da denominação em São Paulo, e foi levado ao Cemitério Jardim Horto Florestal, na Zona Norte da capital paulista.
Milhares de fiéis participaram do culto e prestaram uma última homenagem ao líder religioso, o Estado de São Paulo disponibilizou ainda um carro dos Bombeiros para que o corpo de David Miranda fosse transportado da igreja para o cemitério sendo acompanhado por batedores e carros da polícia também foram disponibilizados para fazer o cortejo. Os fiéis seguiram o caminhão que transportava o corpo em carreata até o cemitério.
Irmã Ereni era vice-presidente da IPDA e agora assume como presidente da igreja e deve contar com a ajuda de seus filhos David Miranda Filho, Daniel Miranda, Débora Miranda de Almeida e Léia Miranda. O site da IPDA já anuncia cultos ministrados pelo pastor David Miranda Filho, que será o líder espiritual da igreja, e em outros sites Débora Miranda de Almeida aparece como proprietária da denominação.
Leia mais...

sábado, 28 de fevereiro de 2015

Pastor Da Assembléia de Deus Ganha Na Mega Sena E Foge Com A Família

Pastor Da Assembléia de Deus Ganha Na Mega Sena E Foge Com A Família



    
E você que sempre foi criado na igreja ouvindo dizer que jogar na Mega Sena era pecado rsrs.
O pastor Bruno Monteiro, da ilustrísima igreja Assembleia de Deus Monte Santo, fez uma fezinha em Teresópolis-RJ e ganhou uma bolada de R$ 31.618.202,79. Ô NÉBIA!!! 
A Caixa informou que o pastor nunca avisa apostado na vida mas recebeu em sonho uma revelação dos números que seriam sorteados. Isso mesmo! Ele ganhou sozinho 31 Milhões e seiscentos mil Reais com a ajuda de nosso Senhor.
O engraçado é que depois de receber a benção ele não compartilhou com os irmãos...ele meteu o pé! Sumiu! Escafedeu-se! HAHAHA
Agora membros da igreja acreditam que a tal revelação foi apenas para despistar, pois a jogatina ainda é condenada no meio evangélico. Revoltados, eles dizem que ele deveria voltar pra abençoar os irmãos da igreja, pois a vida inteira o miserento cobrava o dízimo.


Fonte Original: http://www.ofuxicogospel.
Leia mais...

O aspecto emblemático da eleição de Ereni Miranda, a nova presidente mundial da IPDA

O aspecto emblemático da eleição de Ereni Miranda, a nova presidente mundial da IPDA

O aspecto emblemático da eleição de Ereni Miranda, a nova presidente mundial da IPDA Apesar de não confirmado o prognóstico inicial – da possibilidade da eleição do filho mais velho de David Miranda -, a escolha de Ereni Miranda como a segunda presidente mundial da Igreja Pentecostal Deus é Amor possui um forte valor emblemático. Primeiro, porque é a primeira mulher a assumir a presidência de uma igreja pentecostal brasileira, rompendo com uma tradição de 105 anos de predominância masculina. Seja nas igrejas pentecostais, como nas neopentecostais – com excessão da Igreja Apostólica Renascer em Cristo, que tem no casal Estevam e Sônia Hernandes seu sustentáculo – a presença de homens na presidência de igrejas é um fato histórico e contemporâneo indiscutível. Segundo, que a predominância da família Miranda na direção mundial da Deus é Amor continua intacta, mas com mudanças a médio e longo prazo.
Curta a nossa página no Facebook
De conselheira mundial, Ereni Miranda torna-se a primeira presidente da IPDA. A informação – divulgada por meio de uma breve nota em uma página secundária da Igreja no Facebook, na tarde de hoje (27) – deixa em aberto a forma pela a qual Ereni foi conduzida a ocupar o cargo deixado vago com a morte de seu marido. Até o fechamento desta matéria – às 23h00 – o portal da IPDA não havia divulgado qualquer informação sobre o procedimento de escolha de Ereni Miranda. Sua filha, Débora Miranda, confirma a escolha também com uma breve nota em sua página. “Minha querida mamãe Ereni Miranda, a nova presidente da nossa IPDA. Seja bem-vinda, mulher guerreira, virtuosa e exemplo de coragem! O povo e a diretoria estão contigo e a sua família esta ao seu lado para lhe apoiar! […]”. Diferente da nota postada hoje, a declaração entre aspas foi publicada ontem, às 22h. A eleição ocorre, portanto, dois dias após o enterro do Missionário David Martins Miranda.
Como instituição com registro em cartório, a IPDA é legalmente condicionada a realizar eleições para a composição de sua diretoria. Emílio Zambom de Mendonça, em Igreja Pentecostal “Deus é Amor”: origens, características e expansão, faz menção à ata do dia 26 de julho de 1999, na qual há o registro da recondução de David Miranda como presidente, seguido por seu vice-presidente. Segundo Mendonça, “[…] seu sistema de governo, até antes da atual lei, era de tipo ‘vertical-autoritário’, ‘episcopal’, apesar de que a eleição da diretoria se dava com a indicação de uma chapa ‘oficial’ constando a nova diretoria por indicação do Diretor Presidente, Missionário David Martins de Miranda. A aprovação era por aclamação e, claro, quem concordava, ficava sentado e os que discordassem se punham de pé. Durante os 11 anos em que nós participamos dessas assembleias, jamais vimos um voto discordante […]” (p.52). O autoritarismo é uma característica da Deus é Amor.
Em sua tese de pós-graduação em Ciências da Religião, Mendonça elenca outro fato importante com relação ao corpo de obreiros da Igreja Deus é Amor. Segundo ele, é vedado ao sexo feminino a consagração ao pastorado. “Não há diaconisas nem presbíteras e muito menos pastoras” (O sistema de governo da IPDA, p. 54). Apesar de não consagrar mulheres ao ministério pastoral, a IPDA “[…] reconhece, porém, a função de ‘evangelistas’ tanto para homens como para mulheres […]”. Como explicar, porém, a subita e inesperada escolha de Ireni como presidente mundial da IPDA? De que forma ocorreu tal escolha, e de que maneira os membros participaram do processo? A forma autoritária como as assembleias eram conduzidas por David Miranda, e a ausência de manifestações contrárias à chapa única são questões que merecem uma maior atenção.
Leia mais...

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Entretenimento gospel não transforma vidas, diz pastor

Entretenimento gospel não transforma vidas, diz pastor

Renato Vargens prefere ministrar o Evangelho puro e simples quando fala com jovens

Entretenimento gospel não transforma vidas, diz pastor 
  Entretenimento gospel não transforma vidas, diz pastor
O pastor Renato Vargens ministrou para os adolescentes durante a 17ª Consciência Cristã, evento que aconteceu entre os dias 12 e 17 de fevereiro em Campina Grande (PB), atraindo evangélicos de diversas partes do Brasil e de diferentes denominações.
Em entrevista ao Gospel Prime o pastor revelou que gosta de trabalhar com o público jovem, mas que toma cuidado para falar apenas sobre o Evangelho verdadeiro, sem usar atrativos de entretenimento.
“Eu procuro comunicar a estes a mensagem simples do Evangelho em vez de promover qualquer tipo de entretenimento. Eu não creio que entretenimento gospel produza transformação na vida de quem quer que seja”, disse.
Vargens é pastor presidente da Igreja Cristã da Aliança em Niterói (RJ) e recebe convites para ministrar em diferentes igrejas em todo o país e também em outros países do mundo, porém ele segue sempre uma regra: jamais negociar o conteúdo de suas mensagens.
“As Escrituras nos mostram que o ministro do Evangelho não tem direito de pregar outra coisa a não ser Cristo e este crucificado. Então, quando eu vou pro encontro com os jovens ou quando eu vou pregar o Evangelho, ainda que eu possa contextualizar e usar uma linguagem diferenciada, pra comunicar a mensagem, eu jamais negocio o conteúdo porque eu creio que apenas essa mensagem é capaz de produzir transformação na vida do jovem.”
Os anos de ministério e as experiências vividas fazem com que o pastor entenda que ser um jovem cristão nos dias atuais não é mais complicado do que no passado. “O jovem sempre enfrentou as mesmas demandas que nós enfrentamos nos nossos dias. Os problemas inerentes da juventude são os mesmos em todas as gerações”.
A única coisa que tem complicado a vida dos jovens cristãos nos dias de hoje é a relativização dos valores. “A gente vive num tempo altamente complicado onde verdades absolutas foram relativizadas”, diz Renato Vargens que acredita que tais ações produzem a falta de referências que são essenciais para que o jovem consiga viver em sociedade.
Assista:



Leia mais...

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

MONTAR MEU NEGOCIO PROPIO

MONTAR MEU NEGOCIO PROPIO: Participe da minha vaquinha!
Leia mais...

Protesto contra Cunha comandado por Jean Wyllys reúne apenas 100 pessoas

Protesto contra Cunha comandado por Jean Wyllys reúne apenas 100 pessoas

Deputado do PSOL acusou o presidente da Câmara de criar “cortina de fumaça” para esconder corrupção.

Protesto contra Cunha comandado por Jean Wyllys reúne apenas 100 pessoas 
  Protesto contra Cunha comandado por Wyllys reúne 100 pessoas
O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), ativista gay e um dos principais promotores da agenda LGBT no país, participou de um ato contra o presidente da Câmara, o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que reuniu cerca de 100 pessoas.
Nos últimos anos o deputado federal Jean Wyllys tornou-se um dos principais opositores aos projetos cristãos na Câmara dos Deputados e não esconde sua aversão aos temas religiosos e tem lutado em favor da criminalização da opinião contra a homossexualidade e a defesa do casamento entre pessoas do mesmo sexo.
Wyllys acusou Eduardo Cunha de tentar criar uma cortina de fumaça através da pauta “homofóbica” para esconder os supostos crimes de corrupção que o deputado é acusado. “Ele tem uma ficha corrida com mais de uma dezena de processos de corrupção. Investe numa pauta homofóbica para criar uma cortina de fumaça”.
Em seu curto mandato, Cunha já desarquivou ou acelerou a tramitação de quatro projetos que envolvem questões relacionadas ao aborto e as práticas homossexuais. Um deles cria o Dia do Orgulho Heterossexual, uma resposta ao que chama de “estímulo da ideologia gay”.
Cunha justifica o projeto dizendo que é preciso “resguardar direitos e garantias aos heterossexuais de se manifestarem e terem a prerrogativa de se orgulharem do mesmo e não serem discriminados por isso”.
O ato contra o presidente da Câmara teve estrutura precária, inclusive com a falta de sistema de som em boa parte do tempo e ataques do deputado Jean Wyllys a Cunha, que foi acusado de ser “muito esperto”.
“Conseguiu uma aliança suprapartidária que ameaça os direitos individuais e das minorias. Sem falar que é um político que passou incólume por vários escândalos políticos”, disse Wyllys.
O protesto também contou com a participação dos deputados Erika Kokay (PT-DF) e Ivan Valente (PSOL-SP). Kokay que foi eleita com a ajuda do deputado evangélico Ronaldo Fonseca (PROS-DF) é autora, juntamente com Wyllys do Projeto de Lei 5002/2013 que propõe facilitar aos gays todo o processo de mudança de sexo, da troca de nome e documentos até as cirurgias necessárias.
Erika Kokay disse que Cunha usa a Presidência da Casa como palco para a defesa de projetos pessoais e de grupos religiosos. “O Legislativo é um poder plural. As atitudes dele ferem essa pluralidade e a democracia”, disse.
Eduardo Cunha também é favorável do Projeto de Lei 6.583, o Estatuto da Família. O deputado criou uma comissão para acelerar a tramitação do projeto apresentado pelo deputado Anderson Ferreira (PR-PE) com o objetivo de resguardar a família. Com informações Agência Estado
Leia mais...

Participação de Marco Feliciano no Raul Gil termina em confusão

Participação de Marco Feliciano no Raul Gil termina em confusão

Deputado evangélico e Thammy Gretchen discutiram sobre casamento gay

Participação de Marco Feliciano no Raul Gil termina em confusão 
Participação de Feliciano no Raul Gil termina em confusão
O deputado Marco Feliciano (PSC-SP) esteve em São Paulo nesta segunda-feira para participar do Programa Raul Gil, no SBT, respondendo perguntas no quadro “Elas Querem Saber”.
Mas segundo a socialite Val Marchiori, uma das apresentadoras do quadro, o deputado bateu boca com outra apresentadora, Thammy Gretchen, homossexual assumida, que chegou a se retirar do palco para não discutir mais com o parlamentar evangélico.
“Teve discussão, xingamento, microfone cortado e muita polêmica! Mas também, com Feliciano de um lado, Thammy do outro, e Penélope e eu, só colocando mais lenha na fogueira, só podia dar nisso”, diz Marchiori em seu site.
A socialite afirmou que a polêmica se deu a respeito de temas como o casamento entre pessoas do mesmo sexo e a chamada “cura gay”, projeto que não trata sobre a cura de homossexuais, mais sim sobre a possibilidade de psicólogos tratarem aqueles que queiram deixar a prática.
Ainda de acordo com Val Marchiori, Feliciano foi indelicado com Thammy Gretchen. “O clima foi ficando tenso, até que o deputado chamou o Thammy de anta e ele quase foi pra cima. O Raulzinho, nosso diretor, teve que cortar o microfone dele, e tentar acalmar os ânimos. Mas Thammy não quis saber, disse que se o Feliciano não deixava fazer as perguntas que queria, preferia sair do palco… E saiu”.
Em seu Facebook o deputado não comentou o caso, apenas falou sobre sua participação: “Gravei ontem o programa Raul Gil que vai ao ar dia 7/03. Participei do quadro Elas Querem Saber e foi forte!”.
Leia mais...

Xuxa Chora Ao saber Que vai Ser Batizada

Xuxa Chora Ao saber Que vai Ser Batizada 


Xuxa tem sido notícias em todas as mídias nos últimos meses. Ninguém nunca imaginou que um dia ela pudesse sair da Globo.
A apresentadora após sair da maior rede de televisão do Brasil e terceira do mundo, com especulações de seus pactos com entidades demoníacas e tudo mais, agora ela vai pra Rede Record. E quando pensávamos que parava por aí, eis que surge rumores de que Xuxa já está para se batizar em uma igreja evangélica. É isso mesmo!!!
Especulasse que até então ela frequentava cultos evangélicos às escondidas devido a proibição da Globo...como ela fazia isso sem ninguém ver não sabemos. Afinal, encontrar ninguém mais ninguém menos do que a Xuxa em um culto seria motivo de alvoroço, não é mesmo???
O que sabemos até agora é que isso foi devido à sua constante aproximação com a cantora Aline Barros, que também se emocionou ao saber que Xuxa vai se batizar.



Fonte Original: http://www.ofuxicogospel.com
Leia mais...